PRESS RELEASE – Indaiatubana defende Seleção Brasileira de Softbol no Peru

Ana Luísa Bacelar dos Santos foi convocada para defender o país no II Campeonato Sul-Americano de Softbol Feminino Sub-15, que acontece em Lima, no Peru

ana luisa

Ana Luisa com o uniforme da seleção: integração é o mais importante
Crédito: Álbum de Família
Foto em alta resolução: https://drive.google.com/file/d/0B65JKsA3CTaMQnV3TUgwQ1V2OWc/view?usp=sharing

A ACENBI (Associação Cultural, Esportiva Nipo Brasileira de Indaiatuba) tem novamente uma atleta na Seleção Brasileira de Softbol. Ana Luísa Bacelar dos Santos foi convocada para defender o país no II Campeonato Sul-Americano de Softbol Feminino Sub-15, que acontece entre os dias 31 de julho e 6 de agosto em Lima, no Peru.

Além de Ana Luísa, Indaiatuba tem mais um representante no evento. Wilson Ivano, que é colaborador do departamento de softbol da ACENBI e faz parte da diretoria da ACENBI, foi convocado como técnico auxiliar.

 

DEDICAÇÃO

Ana Luisa pratica softbol desde os 11 anos e está entre as mais entusiastas da modalidade na ACENBI. Para ela, chegar à Seleção foi conseguido graças à dedicação aos treinamentos com determinação. “Não deixava de participar dos treinos mesmo doente e com contusões”.

Ana Luísa define o softbol como um esporte que exige muita técnica e concentração. Porém, “a integração da equipe é muito mais importante do que a habilidade individual”, resume.

 

CAMPEÃS

No ano passado, outra atleta da Acenbi, Julia Emi Ivano, defendeu a Seleção Brasileira no I Campeonato Sul-Americano de Softbol Feminino Sub-15, realizado também no Peru, na cidade de Chincha.

O Brasil foi o campeão ao derrotar na final a equipe do país sede.

 

APOIO

Assim como o beisebol, o softbol da Acenbi também conta o apoio financeiro de três empresas: Filtros Mann+Hummel, Spartan do Brasil e Cobreq. Esse suporte é fornecido por meio da Lei Paulista de Incentivo ao Esporte.

Graças a esse apoio financeiro, a ACENBI desenvolve o Projeto Criando Atletas de Beisebol e Softbol, que visa formar atletas para competição.

 

SOBRE A ACENBI

Sediada em Indaiatuba (região metropolitana de Campinas, SP), a ACENBI é uma associação sem fins lucrativos fundada por imigrantes japoneses em 1947. Sua principal finalidade é a preservação e a divulgação da cultura nipo-brasileira. A preservação da cultura de respeito aos idosos é outra tônica da entidade, que é mantenedora da escola Nitigo Gakko e abriga a escola de educação infantil Miyoji Takahara, em parceria com a prefeitura de Indaiatuba.

Em sua sede de campo, na rua Chile, a ACENBI conta com campos de beisebol e softbol (versão mais leve do beisebol), quadras de gueitebol (jogo semelhante ao críquete e apropriado para a terceira idade) e quadras de tênis de campo, além de piscina e área de lazer. Na sede social, na rua Humaitá, a entidade mantém auditório, salas de reunião, salas de ensaio e salas de aula para cursos diversos.

As atividades da ACENBI são abertas a todos os interessados. Veja mais informações no website da entidade: www.acenbi.org.br

Veja também fotos e outras informações na página da ACENBI no Facebook:

https://www.facebook.com/acenbi.indaiatuba

 

Mais informações para a imprensa:

Grupo de Relações Públicas da ACENBI
imprensa@acenbi.org.br